Por Gabriel Nardelli, gerente de projetos do Atados.

Quantas vezes você olhou seu celular nos últimos cinco minutos? Você provavelmente viu suas últimas mensagens, atualizou seu feed e curtiu as melhores fotos, certo?

E será que você também fez uma busca para ver as melhores opções para ser voluntário no próximo fim de semana? Ok, nem sempre estamos buscando isso, mas se você estivesse realmente procurando alguma atividade para gerar impacto social, você teria todas essas opções no seu celular, tão fácil quanto responder seu whats? A resposta é sim!

Desde 2012 a plataforma do Atados está no ar, apresentando oportunidades de mais de 1.800 organizações sociais, para você escolher uma ação a partir da causa que quer atuar ou da habilidade que pretende oferecer. 

Mais recentemente começamos a analisar os dados dessa plataforma, que reúne 118 mil voluntários cadastrados (nossa, quanta gente!) e hoje podemos dizer com segurança que as causas mais buscadas de 2019 para trabalho voluntário em São Paulo e Rio de Janeiro, por exemplo, são de crianças, proteção animal, meio ambiente e educação, nessa ordem de preferência, com um total de 40.509 inscrições desde 1º de janeiro deste ano. Incrível, né?

Seria ainda mais incrível se você pudesse levar essa plataforma para qualquer lugar do Brasil. E você pode, de duas formas: a primeira, mais simples, é de divulgar o site na sua região e inscrever ONGs locais, como já fazemos constantemente.

A segunda forma é de criar a sua própria plataforma usando o código aberto do Atados, que está disponível gratuitamente desde que o Atados criou o Open Volunteer Platform (OVP) e se tornou uma tecnologia open source.

Agora, se você trabalha em uma empresa e o seu desafio é de criar uma plataforma para dentro da companhia, o Atados oferece o serviço completo, desenvolvendo uma plataforma personalizada – como esta aqui – para que você apresente aos seus colaboradores um grande leque de opções de trabalho com impacto social, mesmo em empresas com atuação em diversos locais do país.

Gostou? Se quiser conversar com a gente sobre essas possibilidades, manda um email pro Gustavo, que vai adorar criar algo novo junto com você: gustavo@atados.com.br.

Por aqui, seguiremos desenvolvendo tecnologias para impacto social, analisando seus dados e trazendo insights para nossas conversas de Tech for Good.